Estudar no exterior

Há várias muitas maneiras diferentes de viajar para o exterior a estudo. E todas são legais, quer dizer, ninguém precisa se arriscar ser deportado (ou deportada) simplesmente porque quer estudar em certo país…

A causa é que qualquer país estimula ser visitado por estudantes, porque isso é vantagem em muitos aspectos. O país ganha mais visibilidade, ganha divisas com o custo dos cursos e subsistência do estudante, variedade cultural…

O visto

O visto de estudante normalmente é o mais simples para ser expedido pelas embaixadas. Em alguns casos, como na Inglaterra, não há necessidade de visto prévio para entrar no país: apenas apresentar documentos que comprovem que você está ali para estudar, juntamente com o seu passaporte, já basta. O ideal, na maioria dos casos, é matricular-se em um curso previamente via internet, como um curso de idiomas, intercâmbio cultural, ou especialização, por exemplo. Também seria interessante contratar anteriormente algum tipo de estadia. Toda essa documentação tem um grande peso na hora de entrar no país.

Quem vai para estudo tem até mais credibilidade e mais chances de entrar no país, em teoria, do que quem vai apenas para turismo, justamente porque é mais fácil comprovar documentalmente o motivo de sua estada ali.

email

Por: ManoelEm: 21.09.2008 | Em Estudar  | Tags: Estudar, Intercâmbio 
Curta no Facebook:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *